Eu só quero poder arrancar você do meu peito

Eu só quero poder arrancar você do meu peito com a mesma coragem que eu tive quando arranquei você da minha vida. Eu só queria não ter que sequer lembrar do teu nome, como fui capaz de não dizer que te amava, que não queria aquele fim. Eu só queria poder não sentir você na minha pele que queima de saudade, como fui capaz de me manter distante o bastante para não permitir você por as mãos em mim, porque sim eu sabia que se me tocasse eu não poderia seguir adiante com aquela decisão.

Eu só queria poder esquecer toda a nossa história, que de alguma forma me ancorou no tempo que se foi e agora, é difícil para um caralho seguir adiante sem você ao lado ou me imaginar conhecendo alguém para ocupar o espaço na cama que é teu, o encaixe dos dedos que eram perfeitos com os teus.

Tá foda! E desculpa se não consigo encontrar uma palavra elegante no dicionário para descrever isso, que nem sei mais o que é que trago no meio do peito. Está ruim! Está muito ruim essa sensação de fraqueza nas pernas e ao mesmo tempo os ímpetos de ligar, mandar uma mensagem, entrar em um táxi e ir correndo te achar e te dizer tudo isso que não sei como dizer exatamente, mas que está engasgado na garganta e está me sufocando de uma maneira insuportável. E sim, me estraçalha saber que agora, talvez, não há sequer uma palavra no mundo que seja capaz de consertar toda essa bagunça ridícula que eu causei entre nós.

Eu queria (quero), confessar que tento deixar tudo isso pra lá, mas não dá. Nunca deu e continua não dando! Eu procuro negar toda vez que meus olhos ficam cheios de umas lágrimas quentes e salgadas que querem escorrer fora de hora, cheias de motivos dos quais digo que não compreendo sobre o meu rosto. Eu desconverso toda vez que alguém vem com esse papo de seguir em frente, permitir conhecer gente nova, dar outra chance para o amor, mas por Deus, eu não quero outro amor se não for o teu!

Quase sempre, eu só tento me acalmar, digo que está tudo bem, que não quero amar tanto cedo, que dou conta de viver a vida sozinha. Repito algumas vezes seguidas que não quero, não preciso, não tenho tempo para lidar com tudo isso. Mas quer saber eu me engano, tento me iludir com essa baboseira toda, porque no fundo eu tenho um medo gigante de conhecer alguém que possa enfim ocupar o teu lugar e eu tenho tanto medo de conseguir seguir em frente sem você, porque sinceramente eu nunca escrevi essa parte da história, porque na minha história as palavras só descreviam uma vida inteira com você.

Por: Francielle Santos

(Foto: Reprodução / Pinterest)

Um comentário em “Eu só quero poder arrancar você do meu peito

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s