tribunal

Há tanto que me coloca em prova. Quase tudo ao meu redor está a questionar a minha existência. O porque eu estou. O porque eu faço. O porque eu sou. Quase tudo está a colocar-me contra a parede e interroga como se eu fosse um réu diante do juiz, do juri, do promotor e como no tribunal estão todos presentes com as suas expectativas alienadas a espera da minha resposta.

Nem todos os dias eu sou capaz de responder sequer com uma palavra. Nem todos os dias eu posso oferecer algum gesto que represente os por quês. Por isso, sempre volto para a cela interna. No silêncio do todo, escuto os ruídos do meu mundo interior. Entre o vazio existencial, vou caminhando pelos entulhos de uma vida inteira. Na escuridão do meu íntimo sou tal como uma pequena lamparina que procura as suas respostas.

Sempre volto. Nem sempre trago uma resposta boa o bastante para fazê-los compreender ou silenciar de uma vez (quase sempre, só quero calados).

Sempre volto. Nem sempre sei como entregar algumas coisas que encontrei (tem coisas que são censuráveis pelo ser “politicamente correto”, penso se isso é uma lógica ou uma ideologia ou um capricho social, ainda não sei ao certo).

Sempre volto. Nem sempre sou capaz de expor algumas verdades que marcam meu exterior (as pessoas não estão prontas para ver feridas necrosadas, peitos abertos com os bofes para fora, entende?)

Sempre volto. Nem sempre permito sair qualquer que seja a forma de linguagem de dentro de mim (se não entendem nem a si mesmos, como poderia entender o estranho universo do outro?)

Eles por sua vez, continuam lá, de alguma forma esperando a minha coragem e honestidade para me revelar para que possam finalmente me condenar ou absolver.

Por: Francielle Santos

(Foto: Reprodução / Ricardo Erik Corsi)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s