epifanias

Procuro a paz do amor de estar em paz comigo.

Procuro a doçura do amor de lidar com as próprias tristezas.

Procuro a sagacidade do amor de respeitar as próprias desordens.

Procuro a sutileza do amor de tolerar a própria solidão.

Procuro a coragem do amor de encarar os próprios fantasmas.

Procuro a persistência do amor de não desistir da vida.

Por: Francielle Santos

(Foto: Reprodução / Wattpad)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s