tu, o meu instante de amor

Eu passei a vida esperando um amor que durasse a vida inteira e aí você veio tão instante e me provou, que um alguns instantes valem uma história de amor para a vida toda.

Eu te amei a cada instante de nós dois. A cada brevidade dos abraços no meio da rua. A cada segundo aleatório dos beijos que me dava na testa. A cada efemeridade que segurava a minha mão como se o mundo fosse acabar e por vezes, o mundo parecia que estava prestes a acabar mesmo.

Eu te amei a cada chegada repentina. A cada sessenta minutos que parecia sessenta segundos em um quarto de motel (nunca suficientes para matar a sede de você). Eu te amei a cada espera infinita depois de todas as nossas despedidas. Eu te amei.. meu Deus, como eu te amei!

Eu te amei a cada rompante de saudade. A cada intimidade nas pequenas trocas que confessavam tudo sobre nós. Eu te amei a cada começo. Eu te amei a cada fim.

Foi ali que eu percebi que o tempo é relativo. Às vezes, a gente passa uma vida com alguém e não a conhece e outras vezes, vem tu.. com o peito aberto e me entregas tudo como se fosse os últimos minutos de vida. Eu te amei a cada minuto urgente de vida que corrias para mim.

Ainda amo-te inteiro, como eu te amo!

Por: Francielle Santos

(Foto: Reprodução / Emily Keeney Photography)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s