reparação

Como encontrar as palavras para dizer que não dá mais? Como te escrever adeus quando tudo o que eu ainda quero é ser mais, fazer mais, ao teu lado?

Escondo no silêncio as palavras que não sei como organizar. Rabisco em folhas espalhadas pelo chão do meu quarto, os versos em que eu possa ser clara e sincera o bastante para te dizer, que eu não aguento mais!

Não te aguento mais dentro de mim. Não aguento mais os seus achismos. Não aguento mais as tuas vias de escape sorrateiras. Não aguento mais as nossas fraudes.

Me feres. Me destrói. Não há verdades que possam justificar toda essa sujeira. Onde um dia fostes perfume na minha pele, agora sangra.

Quando e porque chegamos a esse ponto? Temo em concluir que sou eu a responsável por tudo isso. Porém, é justo ser somente eu a única responsável como tu fazes parecer ser? É certo dizer, que sou eu a única que cativas, que enlaça, que diz as coisas indizíveis que nos mantém?

Quase te rejeito por inteiro por tudo isso, mas quando reflito melhor, termino rejeitando a mim mesma a ponto de ter que procurar, no mais profundo desse abismo, uma maneira de perdoar-me…

… afinal de contas, compreendo, sou sempre eu por eu mesma.

Sempre eu a cuidar dos resultados catastróficos das coisas que me permito sentir. Sempre eu a concertar as coisas que se quebram das pessoas que permito entrar. Sempre eu a cuidar das feridas que restam quando tudo chega ao fim.

Por: Francielle Santos

(Foto: Reprodução / Wattpad)

2 comentários em “reparação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s