carta para amanhã

querida eu,

quando me encontrares amanhã me abraces. contes-me, que tudo no fim, quando o fim chegou, deu certo ou que deu alguma coisa ao menos. que as nossas angústias não foram em vão. que as nossas dores, floriram. que agora sorrimos mais e que todos os dias, vivemos a vida que deve ser vivida.

quando sentarmos para conversar amanhã, que tudo o que passou, seja o melhor que nos lapidou. que tudo o que não foi, seja a placa que indicou a direção certa. que todos as paixões, tenham se tornado as tuas poesias. que tudo o que é e ainda será, seja a nossa verdade.

Por: Francielle Santos

(Foto: macadameia)

Um comentário em “carta para amanhã

Deixe uma resposta para Fabio Ottolini Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s