37º dia – (in)Falível

Sim, eu violei as regras. E antes que seja tarde demais, e com um passe de maldição, eu me torne uma boneca de porcelana, prefiro pegar os retalhos no chão e me (re)costurar – outra vez.

Sinto dor em lugares que eu já nem lembrava mais que existiam em mim. Às vezes, basta um deslize, uma ligeira olhada para trás, para tudo o que ainda sangra vir a tona – e eu sai de vestido branco. Não estou triste, não só triste, estou decepcionada. E é preciso uma dose forte de coragem para admitir isso assim, em voz alta.

Dias de luta e dias de glória, não é Chorão?
E lá vamos nós outra vez…

Mas vai passar.
Porque sempre passa!
Eu sei.
Eu já provei.
Eu já me levantei outra vezes,
vou me levantar dessa vez também.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s