#74

we’re not promised tomorrow

tenho-te hoje
como se o hoje fosse o nosso eterno amanhã!
não prometemos vida
filhos, contas conjuntas, cachorro ou gatos
não prometemos nada!
e por isso e talvez, só por isso,
nos amamos todas as noites
todas as manhãs
em cada fuga das nossas vidas despretensiosas
como se o hoje nunca fosse acabar.
e ele nunca acaba!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s