as tuas miudezas

as veias sobressaltas das tuas mãos
os caminhos profundos da tua cintura
os pelos loiros do teu peito
a força dos teus braços e coxas
os teus olhos cor do mar de Copacabana
o seu nariz ligeiramente arrebitado
o teu cheiro …
a tua barba sempre por fazer e a arranhar
a maneira como as pontos dos teus dedos percorrem calmamente a minha superfície
dos pés, curva a curva, aos fios finos do meu cabelo
as pausas das tuas mãos transferindo calor em cada pedacinho frio de mim
os ecos da tua forte voz
a tua boca mordiscando, acariciando, regando
o teu silêncio
o teu clamor
o balanço do teu pulmão inspirando e expirando
o ritmo das batidas do teu coração
a tua respiração, quando você é nós
e tudo em mim é você!

Por: Francielle Santos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s