o beijo

o beijo

Os verdadeiros encontros são aqueles em que as almas se reconhecem de alguma forma inexplicável. E era essa a certeza que ela tinha no peito ao entrar naquele carro, dirigir tarde da noite mais de 433km, bater na porta desesperadamente daquele ainda desconhecido, só para concretizar o que por noites longas a fio foi prometido. [...]

#82

meia-noite primeiro de janeirode dois mil e dois e contanto contandocontando ainda ontem estávamos na praiapezinhos enfiados na areiaeu e meu irmão no meio da multidão de adultoserámos tão mais tão felizes, mesmo que não entendêssemos nada.então o céu iluminado - branco, azul, verde, vermelho e douradoe banho de espumante baratoabraços longos e apertadoslágrimas, risos, [...]

no fim

no fim

em dois mil e vinte e um, eu perdi muita gentede todos os tipospor mil e uma razões diferentesde vários lugares de dentro e de vários lugares de fora do meu coração sorri, não muito chorei, só quando a dor foi dilacerante a tal ponto que chorar foi a única maneira de respirar vi gente [...]

#81

Prometo decepcionar-te Todos os dias da minha vida Porque assim serei livreDas tuas expectativas e esperasDas tuas ambições e ideiasDas tuas mãos e algemas. Prometo deixar-te Todos os dias da minha vidaE tentar, insistentemente, te esquecerE ser mais eu e menos vocêSobreviver menos de nós Viver mais do que a vida tem pra mim. Prometo [...]

#80

Do you know what? o meu coração dóidia após dia nessa realidade ensossa em que estamos já não reclamo como antessequer me lembro das queixas que outrora acariciavam as feridas já não choro já não escrevo como antesjá não me reconheço no espelho nem nas fotos que tiram de mim enquanto distraída procuro por uma [...]

Em cada esquina

Em cada esquina

Quantos sins tem os meus nãos? Lembra da gente no começo? Era engraçado como as coisas fluíam como se sempre estivessem existidos para estar naquele exato balanço, no embalo daqueles dias. Os nossos dias, que por mais inconsistentes que pudessem ser, ainda assim eram nossos - todos nossos. Estávamos ali, um pelo o outro no [...]

Permanência

Permanência

Parei tudo o que tinha para fazer. Tem dias que é exatamente assim: acordo; levanto pela força das questões que são inadiáveis; abro uma frestinha da janela - a luz do dia tenta ganhar espaço no quarto escuro; visto o roupão; nunca penteio o cabelo; tomo uma xícara de café; não me esforço - pelo [...]

#78

Dedilho as tuas nuancesIncontáveis vezes tenho sido prolixa ao dizerCoisas que são tuas, somente tuas. Exteriorizo as tuas faces Desfaço os tecidos que te vestem Fria, calculista e egoístaPois de você eu preciso de tudoTudo para viver.E toco-teE caminho a passos curtos e convictosPor tudo o que você é.Não procuro justificar os meus feitosNem as [...]